Início » Saúde » Distúrbios de tireoide » Distúrbios de tireoide – causas, sintomas e tratamentos

Distúrbios de tireoide – causas, sintomas e tratamentos

 

O que é Distúrbios de tireoide?

Distúrbios da tireoide é uma doença que atinge a tireoide, uma glândula que fica localizada no interior do pescoço em forma de borboleta, uma área fina de tecido em meio da glândula, conhecido como o istmo, une os dois lóbulos da tiroide em cada lado.

A função da tireoide é regular os processos metabólicos de todo o corpo.

A tireoide utiliza o iodo para produzir os hormônios vitais, sendo que os principais são a tiroxina (T4) e a triodotironina (T3). Esses hormônios são responsáveis pelo nosso metabolismo basal, ou seja, é ele que estimula as células a trabalharem e garante que tudo funcione corretamente no corpo.

A função da glândula tireoide é regulada por um mecanismo de autocontrole que envolve o cérebro. Quando os níveis de hormônios da tiroide estão baixos, o hipotálamo no cérebro produz um hormônio conhecido como liberador de tirotropina (TRH), que faz com que a glândula pituitária (localizado na base do cérebro) libere o hormônio estimulador da tireoide (TSH).

Tipos de Distúrbios de tireoide

Existem quatro tipos principais de doença da tireoide:

  • Hipertireoidismo: quando a tireoide funciona muito e produz hormônios em excesso
  • Hipotireoidismo: quando ela não mais existe por ter sido removida cirurgicamente devido a um tumor ou quando funciona pouco
  • Nódulos e Bócio benignos da tireoide (não cancerígena)
  • Câncer de tireoide.

tireoide-omsaude

Causas de Distúrbios de tireoide

As principais causas são as doenças autoimunes (aquelas em que o organismo indevidamente produz anticorpos contra ele mesmo), a destacar a Doença de Graves, no hipertireoidismo, e a Doença de Hashimoto, no hipotireoidismo. A remoção cirúrgica da tireoide, ou a sua destruição por iodo radioativo também são causas comuns.

Sintomas de Distúrbios de tireoide

Hipertireoidismo: em que o corpo produz muitos hormônios da tireoide


  • Evacuações mais frequentes, às vezes com diarreia
  • Fraqueza muscular, mãos trêmulas
  • Desenvolvimento de bócio (aumento do volume do pescoço – “papo”)
  • Alteração dos ciclos menstruais e fertilidade
  • Perda de peso
  • Aumento do apetite
  • Aumento da frequência cardíaca
  • Palpitações cardíacas
  • Aumento da pressão arterial
  • Nervosismo
  • Transpiração excessiva.

Hipotireoidismo: o corpo não produz menor quantidade de hormônios tireoidianos

  • Formigamento ou dormência nas mãos
  • Desenvolvimento de bócio
  • Prisão de ventre
  • Alteração dos ciclos menstruais e fertilidade
  • Pele e cabelo secos
  • Unhas quebradiças
  • Letargia, processos mentais mais lentos ou depressão
  • Frequência cardíaca reduzida
  • Aumento da sensibilidade ao frio.

Câncer de Tireoide (Nódulos Benignos ou malignos)

  • Alteração da mobilidade da glândula à deglutição
  • Presença de deformidades na região cervical, especialmente na região da tireoide
  • Sinais e sintomas de hipertireoidismo ou hipotireoidismo de início abrupto
  • Por isso a necessidade do autoexame de forma regular.

Tireoidite subaguda

  • Dor ou desconforto ao engolir ou virar a cabeça
  • Leve dor na glândula tireoide
  • Tireoide sensível ao toque
  • Apresentar esses sintomas pouco depois de uma infecção viral, tais como da gripe ou sarampo.

Exames

  • Cintilografia de Tireoide
  • Exames de sangue para medir os níveis de hormônios tireoidianos e TSH
  • Exames de imagem para investigar o tamanho e a presença de nódulos na tireoide
  • Biópsia e Punção aspirativa por agulha fina
  • Cintilografia de Tireoide
  • História médica completa e exame físico

Tratamento de Distúrbios de tireoide

O tratamento da doença de tireoide depende do tipo de disfunção. Pode incluir apenas acompanhamento clínico, bem como o uso de medicamentos de forma contínua, iodo terapia ou cirurgia.

Complicações possíveis 

Bócio é o aumento de tamanho da tireoide, que pode ser notado como um abaulamento na região anterior do pescoço. Pode ocorrer no hipotireoidismo e no hipertireoidismo.

Na maioria dos casos, o bócio é apenas um problema estético. Hoje em dia, com os atuais tratamentos para as doenças da tireoide, dificilmente a glândula tireoide cresce o suficiente para formar um bócio grande, que chegue a obstruir estruturas do pescoço, levando a sintomas como falta de ar, tosse, rouquidão ou dificuldade para engolir. Para o bócio causar sintomas de obstrução dos órgãos do pescoço, ele tem que estar muito grande.

 

Artigo do Momento

Cegueira e perda de visão – causas e sintomas

O que é Cegueira e perda de visão? Cegueira nada mais é do que uma …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *